O Ciúme

    O ciúme é tão saudável como um parasita,
    tão útil como um corpo são,
    tão inevitável como o Diabo,
    tão sincero como o desejo.

Um ser saudável não tem febre, mas um ser saudável não vive toda a vida sem a experimentar. O ciúme é assim também.
É natural, mesmo fisiológico, mas deve ser combatido.
É uma espécie de gripe – Não gostamos, mas também não achamos que é muito grave tê-la. Há gripes mais ou menos prolongadas, mais ou menos graves, e devemos ter o cuidado de as não deixar evoluir para além do que seria aceitável, até porque se pode morrer de ciúme, tal como de gripe.
Os ciúmes são maus, mas inevitáveis, preocupantes, mas nem sempre alarmantes.
Para ser saudável, é preciso já ter estado doente.
Para se ser pleno é preciso lutar (mas não procurar a luta).

Ti          
Junho 2009

Obrigado! Volta sempre que puderes! É bom saber de ti!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s