Tractor

Serei um tractor.

Não serei rápido, não serei espectacular, mas não pararei por montanha nenhuma.

Ainda que a montanha seja grande, ainda que o caminho seja demasiado longo, eu continuarei devagarinho, enquanto os grandes carrões descansam;
Ainda que me falte a energia porque nunca descanso e mesmo que não possa descansar por ainda faltar muito caminho;
Mesmo que o ânimo desfaleça porque a noite é escura, e ainda que a música se acabe na memória,

porfiarei.

Hei-de continuar o caminho,
às vezes como um autómato,
outras com o fervor da raiva,
ou com saudade, ou com tristeza,
mas muitas vezes com força,
com felicidade
outras ainda com Alegria!

Ti          
Nov 2007

Obrigado! Volta sempre que puderes! É bom saber de ti!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s